Câmara de Rolim de Moura aprova doação de terreno para a Associação Beneficente Mulheres de Lenço

O Presidente da Câmara Municipal de Rolim de Moura, Dr. Lauro Lopes comentou a aprovação do projeto para doação por parte do Executivo Municipal, de um terreno para a construção da Sede da Associação Beneficente Mulheres de Lenço, com votação unânime dos vereadores na última sessão extraordinária realizada na manha da última quinta feira, dia 26 de setembro de 2019.

A Associação Beneficente Mulheres de Lenço de Rolim de Moura é uma entidade sem fins lucrativos com a missão de prestar assistência social e psicológica a pacientes acometidos de câncer, criada ainda em junho de 2014, e que tem a necessidade de um local apropriado para a construção de sua sede, com o intuito de assistir as pessoas acometidas desse mal.

Através de um requerimento de nº 131/CMRM/2019 de 20 de maio de 2019, subscrito pelo Presidente da Câmara Municipal de Rolim de Moura, Vereador Dr. Lauro Lopes, o qual solicitava do Executivo a doação de uma área para a construção da sede da entidade, aprovado por unanimidade dos pares, e culminando com sanção por parte do Prefeito Municipal, Luizão do Trento, através da Lei nº 3.597/2019, efetivando assim a doação de um terreno medindo 1.560M2 (hum mil e quinhentos e sessenta metros quadrados), localizado na esquina da Rua Rio Madeira com a Avenida Natal, sendo fração do Lote nº 760 da quadra nº 055, setor 01, nesse município de Rolim de Moura.

Dr. Lauro cita ainda a aprovação da entidade como utilidade pública, aprovado através de uma solicitação do Vereador Uender Nogueira. “Além da aprovação de utilidade pública o Vereador Uender teve uma participação ativa junto ao executivo municipal, para que esse projeto fosse enviado ao executivo e que pudesse estar na pauta de votação da Sessão Extraordinária”, disse o Presidente da Casa, não se esquecendo de agradecer também aos demais pares que entenderam a importância dessa doação, bem como, a importância da ação social que a Associação Mulheres de Lenço realiza no município e ao Prefeito Municipal por ter enviado o projeto para aprovação.